18.1.09

ãopáresnãopáresnãopáresnãopáresnãopáresnãopáresnãopáresnãopáresnãopáresnãopáresnãopáresnãopáresnãopáresnã

A cabeça diz "pára lá de ouvir isso, rapariga!, antes que enjoes, mulher!, que parvoíce, vai chegar a Fevereiro nem vai poder ver isto à frente, que abuso" mas não consigo. Há sempre qualquer parte do corpo que pede play e

Met a dancer
Who was high in a field
From her movement
Caught my breath on my way home
Couldn't stop that expanding force

a In the flowers começa e, quando dou por mim, já estou a ouvir o álbum outra vez. E outra vez depois, porque nunca sei o que ouvir depois de tudo isto. E outra.

Eu não queria enjoar (e por enquanto estou tão longe disso) mas é mais forte do que eu, esta força expansível que não dá para parar.

Ainda assim, a canção do fim de semana foi a I've got you under my skin cantada pela Ella Fitzgerald. Clichés, viva!

1 comment:

m.b.m said...

Esta não enjoa, nunca! Beijo